SANTA RITA VENCE TRICOLOR E ESTÁ NA FINAL DA COPA NEGRITUDE

Santa Rita e Tricolor do Jardim Penha se enfrentaram em mais uma tarde memorável de futebol na zona leste de São Paulo, precisamente no CDC Alvorada, a Copa Negritude SportAção 2018 que tanto empolgou torcedores varzeanos está chegando ao fim, entre todas as categorias, a maior parte das finais já estão definidas e nós vamos falar sobre a categoria esporte.

Na primeira semifinal disputada na tarde ensolarada de 9 de dezembro, Santa Rita e Tricolor fizeram um duelo daqueles que o narrador Galvão Bueno chama de “Teste pra Cardíaco”. O time azul e branco jogava sob os seus domínios e mais uma vez contou com a ajuda do 12º jogador, sua torcida fánatica, a Santerror. O Tricolor que já havia feito grande jogos na competição trouxe um número menor de torcedores, mas chegou para a partida com a confiança de quem eliminou outra potência do futebol de várzea na fase anterior, numa partida decida nos pênaltis o time do Jardim Penha eliminou o Pioneer que era outra sensação da competição e antes mesmo de começar o jogo o clima já era dos mais empolgantes.




O Árbtiro autorizou o ínicio da partida e o que se viu foram jogadores em busca do gol desde o primeiro toque na bola, por volta de 5 minutos o Tricolor teve uma oportunidade de abrir o placar e não desperdiçou, a falta marcada na lateral direita do gol de Caíque parecia ser daqueles lances onde a bola seria alçada na área para que alguém pudesse empurra-lá para o gol. Parecia, em uma cobrança perfeita o meia atacante Diego surpreendeu a todos e mandou a bola no ângulo de Caíque, a batida forte por cima da barreira surpreendeu o arqueiro do Santa Rita e o Tricolor saiu na frente do placar.

O gol sofrido logo no inicio foi uma das poucas vezes onde o Santa Rita saiu atrás do placar e o clima de tensão por parte do torcedor não durou muito, antes de terminar a primeira etapa, Álvaro que é meia atacante estava infernal e fez a diferença para o time da casa, em uma cobrança de falta que lembrou Ronaldinho Gaúcho na Copa de 2002 frente a Inglaterra do Goleiro Seamam, Álvaro assim como Ronaldinho encobriu o goleiro Ivo e empatou a partida. Assim como o primeiro gol da partida, o empate chegou com um golaço.




O empate no placar persistiu até o fim da primeira etapa e as equipes foram descansar pensando em acertar apenas uma bola, um lance, o gol que iria definir o clássificado para a fínalisima da Copa Negritude. Jogo grande é jogo decidido nos detalhes e foi assim que terminou a partida.

Na segunda etapa os goleiros tiveram um papel fundamental, tanto Ivo quanto Caíque foram exigidos e corresponderam, com lindas defesas e uma participação bastante ativa, os goleiros foram uns dos destaques da partida. Por volta de 20 minutos da segunda etapa o Santa Rita teve a oportunidade de virar o placar numa cobrança de falta na intermediária, Ivo que estava bastante atento voou e conseguiu colocar a bola para fora, no escanteio após a linda defesa, o Santa Rita conseguiu o gol derradeiro, Everson, que já havia feito boas partidas na competição, surgiu na pequena área e após ver seu companheiro de time escorar a bola, acertou um voleio perfeito e empatou a partida. 2 a 1 no placar e os torcedores começaram a sonhar com a final que poderia resultar no bicampeonato do Santa Rita.

O Tricolor do Jardim Penha não se entregou e foi para cima, próximo dos 30 minutos um lance que será discutido por muito tempo, poderia ter mudado o jogo, após uma cobrança de falta a bola foi ao ar na área do Santa Rita e em uma disputa entre atletas das duas equipes, a bola morreu dentro do gol de Caíque, no lance o árbitro parece ter apitado antes mesmo do gol ocorrer e inválidou o lance, correta ou incorreta, a decisão de anulação do tento que iria igualar o placar, revoltou a comissão técnica do Tricolor e partida ficou interrompida por mais de 10 minutos.




Após uma série de reclamações por parte do Tricolor a bola voltou a rolar e foram concedidos 12 minutos de acréscimo sob o tempo normal, o Tricolor aproveitou esses minutos e partiu para o ataque, o gol da equipe do Jardim Penha não saiu por pouco, nos contra-ataques o Santa Rita teve chances claras de marcar o terceiro gol e por pouco não matou a partida, em um lance Vitinho que entrou no segundo tempo, driblou quase o time inteiro do Tricolor e por pouco não marcou um gol antológico.

A partida chegou ao final com o placar de 2 a 1 para o Santa Rita e o time azul e branco vai disputar a final com a possibilidade de conquístar o bicampeonato consecutivo na Copa Negritude SportAção 2018, veja como foi os melhores momentos dessa grande semifinal.

Roger Marques

Redator do site www.avarzea.com.br e colunista do site www.spfc24horas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *