EM EVIDÊNCIA: RAFAEL CURSINO E KAYO CHAGAS SE DESTACAM PELO RIO BRANCO NO CAMPEONATO PAULISTA

O meia Rafael Cursino e o defensor Kayo Chagas, são os referenciados da coluna em evidência dessa semana, pelo Rio Branco de Americana, o Tigre do interior paulista, os atletas tem se destacado na boa campanha da equipe pelo campeonato paulista segunda divisão. O Rio Branco tem grande tradição em revelar atletas para o cenário mundial do futebol, nomes como Marcos Assunção, Marcos Senna, Mineiro, Romarinho, entre outros, são feras que passaram pelo Tigre da Paulista e despontaram no futebol profissional, entre feitos e conquistas a equipe tem em seu histórico 17 participações consecutivas em campeonatos paulistas, série A1 e fígura no hall de equipes mais tradicionais do interior de São Paulo.

No paulista segunda divisão (sub-23) a equipe disputa ponto a ponto a liderança do grupo 3 com o XV JAU, outra equipe bastante tradicional do futebol paulista, que vive na memória de quem acomapanhou o futebol nos anos 90. Junto com o grupo de atletas do elenco 2019, Rafael Cursino e Kayo Chagas, estão representando muito bem a camisa preto e branca que em agosto vai completar 106 anos, o site avarzea.com.br teve a oportunidade de conversar com os dois sobre o momento e traz agora a resenha de atletas que tem no meia Fábio Simplicio, que jogou por São Paulo, Roma, Palermo, entre outros, uma referência para poderem alcançar seus objetivos dentro do futebol.


Seguindo a ordem da gravação das entrevistas, Kayo Chagas conversou com o narrador Johnny Santos e com o comentarista e repórter de campo, Roger Marques, no ínicio do mês de junho e falou sobre toda sua trajetória até chegar no Rio Branco, o defensor de 1,85, que possui boa saída de bola e tem no seu porte fisico, um diferencial para se impor dentro de campo, demonstrou muita gana pelo momento que está vivendo no Rio Branco e se espelha no meia Felipe Mello como um exemplo de atitude e determinação.

Rafael Cursino que tem mostrado seu lado goleador, tendo anotado 4 tentos até o momento, para o Rio Branco na competição, é dos meias que assumem a responsabilidade nas bolas paradas da equipe e que assim como muitos, fez do futebol de várzea sua escola para poder alcançar seus objetivos profissionais, o meia falou sobre o duro momento onde teve que se afastar do futebol e também sobre o duelo contra seu irmão Igor Cursino, que também está disputando o campeonato, defendendo o Independente de Limeira, o Galo do interior paulista.

Os atletas foram recomendados pela SportsMaxi, para maiores informações sobre ambos, falem conosco através das nossas redes sociais.

INSCREVA-SE NO CANAL DO YOUTUBE
*******PROJETO VARZEANOS*******
SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS
FACEBOOK.COM\AVARZEA
INSTAGRAM: @PROJETOVARZEANOS
TWITTER: SITE_AVARZEA

Roger Marques

Redator do site www.avarzea.com.br e colunista do site www.spfc24horas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *